Informações da página

Você está em: Página Inicial > Extensão > Ações de Extensão

Início do conteúdo

2018

 

Judô - Equipe IFRS/Osório

Resumo da Proposta:

A presente ação de extensão tem por objetivo dar início à equipe de Judô do IFRS Campus Osório. Com aulas regulares semanais, o ensino da arte marcial engloba Fundamentos Técnicos, Prática, Filosofia e História do Judô. A ação está aberta para a comunidade em geral e possui fluxo contínuo de entrada. A idade mínima para a prática, neste módulo, é de 14 anos e o uso do Judogui (Kimono) é obrigatório a partir da 4° semana. Não é necessária a vivência prévia no Judô, podendo entrar iniciantes e avançados. Os alunos poderão optar por exames de graduação semestrais, reconhecidos pela Federação Gaúcha de Judô. Filiações e competições são opcionais.

Coordenador: Felipe Parisoto

Discentes: ISADORA SANA DA SILVA, RAFAEL MOREIRA CAMARGO

Tipo de Ação: Projeto

 

CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA -FIC -MASSEIRO

Resumo da Proposta:

A proposta do curso FIC de Masseiro é habilitar o estudante na produção de massas, pães, macarrão e similares, de acordo com a tendência das empresas no que diz respeito à utilização de matérias-primas e equipamentos. O curso está organizado de tal forma que as disciplinas práticas cobrem os fundamentos essenciais para o desempenho das atividades no setor da indústria masseira. Já as disciplinas teóricas estão organizadas de forma a complementar a formação técnica, instigando os estudantes ao empreendedorismo a fim de que desenvolvam ideias e oportunidades, bem como proporcionando a eles uma visão sistêmica do mundo do trabalho.

Coordenador: Marcelo Vianna

Equipe de Execução: Fernanda Arboite, Flávia Santos Twardowski Pinto, Ingrid Gonçalves Caseira, Milene Araújo Vitorino, Antonio Sperandio, Eder José Morari, Eduardo Santos Avila, Eloise Bocchese Garcez, Gabriel Silveira Pereira, Giane Silva Santos, Lidiane Barreto Alves Zwick, Luana Monique Delgado Lopes, Maryá Gil Grassmann, Paola Cardoso Purin, Simone Cazzarotto.

Tipo de Ação: Curso

 

Desenvolvimento de aplicativo na plataforma móvel referente ao programa Pró-Mamá da prefeitura de Osório - RS

Resumo da Proposta:

O presente projeto corresponde ao desenvolvimento de um aplicativo na plataforma móvel referente ao programa Pró-Mamá da prefeitura de Osório - RS. O programa Pró-Mamá tem o objetivo de aumentar os índices de aleitamento materno e qualificar a atenção às mães pós-parto no município de Osório.

Coordenador: Diana Cabral Cavalcanti

Equipe de Execução: Bruno Chagas Alves Fernandes

Discentes: José Paulo Oliveira Filho e Lucas Jardim da Silva

Tipo de Ação: Projeto

 

Obmep Na Escola- Uma preparação para a Olimpíada de Matemática

Resumo da Proposta:

Realizar atividades de resolução de problemas de matemática com foco exclusivo na preparação dos alunos para a participação na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). As atividades serão desenvolvidas com alunos do ensino médio e ensino fundamental (8º e 9º anos) de escolas do município de Osório ou da região. Durante o desenvolvimento serão abordados conteúdos de matemática que geralmente são desprezados pela grade curricular atual, além de reforçar os conteúdos mais abordados pela OBMEP. Será utilizado como material de apoio, provas das olimpíadas de matemática anteriores e demais materiais disponibilizados no site da OBMEP. O IMPA e a SBM fornecem apostilas para os alunos participantes do projeto Obmep na Escola.

Coordenador: Josias Neubert Savóis

Equipe de Execução: Ricardo Silva Ribeiro

Discentes: ALEXSANDRO SANTOS DA ROSA JÚNIOR e TAMIRES BON VIEIRA

Tipo de Ação: Projeto

 

Literatura em Vídeo

Resumo da Proposta:

Exibição de filmes e vídeos inspirados em obras literárias, seguidos por debates guiados por diferentes professores de Literatura e áreas afins.

Coordenador: Dudlei Floriano de Oliveira

Equipe de Execução: Mateus da Rosa Pereira

Tipo de Ação: Curso

 

Ensino de linguagem de programação Java a partir da Lógica Proposicional: compartilhamento cidadão de saberes entre estudantes do IFRS/Campus Osório e da Escola Estadual de Ensino Médio Albatroz

Resumo da Proposta:

O projeto visa oportunizar um espaço de formação relacionado à linguagem Java de programação aos estudantes do Ensino Politécnico da Escola Albatroz. Será utilizada a plataforma intuitiva dos operadores lógico-proposicionais como recurso de explicação e aplicação dos conceitos envolvidos. A intenção é oportunizar um espaço de apropriação de saberes relacionados à linguagem de programação Java, bem como de revisão e aprofundamento pelos estudantes da educação básica pública da instituição vizinha de componentes curriculares que lhes são próprios. Ademais, esperamos colher como fruto o interesse e qualificação dos estudantes da Escola Albatroz beneficiados pelo projeto na área da informática/programação, potencializando, assim, sua deliberação acerca do ingresso e permanência no IFRS/Campus Osório em seu processo formativo.

Coordenador: Sergio Guiherme Santos Portella

Equipe de Execução: Andreia Scheeren, Bruna Flor da Rosa, Josias Neubert Savóis, Roger GonÇalves Urdangarin

Tipo de Ação: Curso

 

Programando Fácil: Conhecendo a Computação

Resumo da Proposta:

Esta proposta tem por objetivo proporcionar um primeiro contato com a Computação para os alunos das séries finais do Ensino Fundamental das escolas da região, através do desenvolvimento do raciocínio lógico com o uso de ferramentas da Tecnologia da Informação. Desta forma, pretendemos apresentar aos alunos um pouco do universo que envolve a grande área da Informática, a fim de contribuir para o seu conhecimento, e a fim de divulgar o curso Técnico de Informática do IFRS Campus Osório. Neste sentido, o objetivo deste projeto será contribuir para a consolidação do conhecimento dos alunos (tanto dos alunos bolsistas participantes quanto dos alunos das séries finais do Ensino Fundamental), oferecendo oficinas de programação, de forma lúdica, envolvendo o uso de jogos e o raciocínio lógico. O projeto já foi aplicado no segundo semestre de 2017 e teve um retorno positivo dos alunos e professores participantes. Dentre os resultados, espera-se que os alunos conheçam um pouco de programação, a fim de que possam desenvolver o próprio jogo através de sites como code.org e scratch.mit.edu, contribuindo positivamente para a desenvolvimento do raciocínio lógico, oferecendo e compartilhando momentos de aprendizado e trocas de experiências junto aos professores e alunos bolsistas participantes.

Coordenador: Anelise Lemke Kologeski

Equipe de Execução: Augusto Weiand

Discentes: VITÓRIA DE SOUZA FABRICIO, MAURÍCIO BRAGA JULIO, NATÁLIA BERNARDO NUNES.

Tipo de Ação: Projeto

 

Desenvolvimento de aplicativo na plataforma móvel referente aos serviços de turismo da prefeitura de Osório - RS

Resumo da Proposta:

Este projeto busca atender uma demanda do Conselho Municipal de Turismo de Osório, vinculado à Prefeitura Municipal, referente ao desenvolvimento de um aplicativo na plataforma móvel que contemple informações turísticas do município de Osório. O aplicativo tem o objetivo de divulgar de forma mais interativa e fácil as informações sobre os principais pontos turísticos do município, uma vez que a dificuldade de acesso a informação, tanto por parte do turista quanto do autóctone, faz com que alguns atrativos importantes do município fiquem ociosos em determinados períodos do ano.

Coordenador: Diana Cabral Cavalcanti

Equipe de Execução: Bianca Pugen

Discentes: VITOR MATEUS DE OLIVEIRA DOS SANTOS e MATHEUS ROCHA JACKS

Tipo de Ação: Projeto

 

Compreendendo a Matemática Básica

Resumo da Proposta:

O projeto "Compreendendo a matemática básica" consiste em encontros semanais com aulas que abordarão a Matemática do ensino básico, realizados em período extraclasse, contemplando os conteúdos nos quais os alunos apresentam maiores dificuldades como: operações matemáticas básicas, equações, trigonometria, álgebra básica, etc. Estes conteúdos auxiliarão os alunos no processo de aprendizagem dos conteúdos abordados pelas disciplinas do 1º semestre do curso de Licenciatura em Matemática: Fundamentos da Matemática e Geometria Plana; e do 2º semestre do curso: Introdução ao Cálculo e Geometria Analítica. Os encontros serão aulas expositivas e dialogadas e contarão com exercícios para os alunos fazerem durante a aula e também como tarefa de casa. As aulas serão ministradas por professores efetivos e substitutos do IFRS - Campus Osório, que são colaboradores do projeto.

Coordenador: Josias Neubert Savóis

Equipe de Execução: Eron Magno Aguiar e Silva, Fabiana Gerusa Leindeker da Silva, Ricardo Silva Ribeiro

Tipo de Ação: Curso

 

dTEC - Diálogos com Tecnologias

Resumo da Proposta:

O dTEC/IFRS - Diálogos com Tecnologia - é um Programa de Extensão formado por palestras, oficinas, minicursos, mostras de filmes e visitas técnicas a ser realizado ao longo de 2018, tendo como público discente e comunidade externa (instituições de ensino fundamental, médio e superior) de nossa região. Os objetivos principais são produzir uma consciência crítica nos participantes diante as tecnologias digitais e instiga-los a refletirem sobre as diferentes dimensões da TI na sociedade, com seus aspectos sociais, culturais, educacionais e políticos. Assim, espera-se debates e reflexões entre os beneficiados pelo Programa a fim de superar os aspectos meramente técnicos da TI, possibilitando-os a terem uma visão mais crítica, inovadora e complexa sobre o campo tecnológico, repercutindo em suas trajetórias educacionais e em suas inserções no mundo do trabalho.

Coordenador: Marcelo Vianna

Equipe de Execução: Alexandre Ricardo Lobo de Sousa, Bruna Flor da Rosa, Bruno Chagas Alves Fernandes, Flávia Santos Twardowski Pinto, Kathlen Luana de Oliveira, Lisiane Zanella, Sergio Guiherme Santos Portella, Vinícius Fritzen Machado, Augusto Weiand, Bruno Serra Acosta, Eloise Bocchese Garcez, Gabriela Silva Morel, Paola Cardoso Purin.

Discentes: CARLOS EDUARDO WUNSCH WIEBBELLING

Tipo de Ação: Programa

 

Praticar Matemática: aprender para ensinar, ensinar para aprender

Resumo da Proposta:

O projeto Praticar Matemática: aprender para ensinar, ensinar para aprender visa oportunizar espaços para que os discentes do curso de Licenciatura em Matemática do IFRS Campus Osório possam se preparar para a prática docente através de estudos complementares sobre determinados conteúdos, produção de material didático e uso de tecnologias para o ensino de matemática, e pesquisa e testagem de metodologias de ensino aplicáveis ao ensino de matemática. Após a realização das pesquisas, testagens e produção de materiais, os discentes terão a oportunidade de aplicar os conhecimentos adquiridos através da prática docente em escolas do município ou da região que apresentarem interesse em receber os futuros professores, disseminando assim conhecimentos sobre a matemática para alunos e professores da região.

Coordenador: Josias Neubert Savóis

Equipe de Execução: Ricardo Silva Ribeiro

Discentes: CASSIANA MALLET CERQUEIRA GARCIA

Tipo de Ação: Projeto

 

Oficinas de Matemática

Resumo da Proposta:

Este projeto tem como objetivo a elaboração de oficinas de tópicos de matemática que serão ministradas aos discentes do Ensino Médio, Ensino Médio Integrado, Subsequente e Superior da cidade de Osório e região. As oficinas serão ministradas por alunos do Curso de Licenciatura em Matemática do IFRS - Campus Osório e orientadas por docentes da área. Por meios das oficinas, pretende-se oportunizar a aprendizagem e/ou lembranças de conceitos e conteúdos matemáticos de álgebra do Ensino Fundamental que não foram compreendidos corretamente ou esquecidos, interferindo no aprendizado de assuntos mais avançados de Matemática. Além disso, os licenciandos durante o período de elaboração e planejamento das oficinas, terão a oportunidade de desenvolver técnicas de estudo, as quais podem auxiliar em sua formação acadêmica, promovendo uma possível redução na evasão que vem ocorrendo no curso. Ao ministrar as oficinas também vivenciarão práticas pedagógicas que podem potencializar o seu trajeto de formação profissional.

Coordenador: Eron Magno Aguiar e Silva

Equipe de Execução: Aline Silva de Bona, Fabiana Gerusa Leindeker da Silva

Discentes: LEONARDO DE MOURA e LEONARDO POSPICHIL LIMA NETO

Tipo de Ação: Projeto

 

Música na Escola: práticas e reflexões

Resumo da Proposta:

O Projeto "Música na Escola: práticas e reflexões" integra desde 2016 as ações do Programa de Música do campus Osório. Em 2016 a direção da Escola Estadual Quilombola Santa Teresinha de Morro Alto -Maquiné/RS, procurou o campus Osório do IFRS para elaborar e desenvolver um projeto musical em sua escola pois tinha os instrumentos musicais mas não profissionais para trabalhar com a música. Desta forma e apoiados nas leis 11.769/08 e 13.278/16 que versam sobre as artes no ensino básico e tornam obrigatória a Educação Musical na escola e as leis 10.639/03 e 11.892/08 que visam a abordagem da cultura africana e indígena na escola (parte constituinte da comunidade de Morro Alto) tornamos efetivo o desenvolvimento deste projeto. Destinado aos alunos das series finais do ensino fundamental da Escola e a professores do ensino básico bem como a pessoas da comunidade quilombola, envolvidas com o ensino e aprendizagem da musica e o resgate cultural da região, criou-se o projeto. A proposta contempla a musicalização dos participantes, bem como e aprendizagem de um instrumento musical - violão ou flauta ou percussão, iniciados em 2016 e o resgate da cultura quilombola e indígena da região. O projeto é desenvolvido na Escola Estadual Santa Teresinha de Morro Alto -Maquiné/RS e transcorre no período de abril a novembro de cada ano; é composto de 15 encontros presenciais, de 4 horas, distribuídas de abril a novembro do presente ano, totalizando assim 60 horas. Estima-se atingir diretamente 70 pessoas entre alunos, professores e comunidade escolar.

Coordenador: Agnes Schmeling

Discentes: BIANCA GRALA FREITAS, MILENE ZUCHINALI DE SOUZA, ANA KAROLINE DE MATOS ALVES

Tipo de Ação: Projeto

 

Conversação em Libras

Resumo da Proposta:

Há proposta, tem como objetivo instrumentalizar os alunos a obter , conhecimento de Sinais específico de Libras em algumas áreas do conhecimento dentro do campo da ''informática'', políticas publicas, esporte e laser, como também aprimorar as técnicas de treinamento para Intérprete de Libras. Tendo por certo, que esse ensino, ampliará o conhecimento desses alunos, viabilizando uma melhor compreensão desses sinais nessas áreas. Sendo que, na instituição Campus Osório tem os cursos a nível superior e alunos surdos estudando no campus e TILS trabalhando em sala e esse projeto também com templara esses Intérpretes e todos os envolvidos.

Coordenador: João Souza de Oliveira

Discentes: SILVANA XAVIER DE OLIVEIRA

Tipo de Ação: Projeto

 

Plantões Musicais e Oficinas de Instrumentos Musicais

Resumo da Proposta:

Os plantões musicais e as oficinas de instrumento musical são atividades vinculadas ao Programa de Extensão 'Música no IFRS, campus Osório', voltadas para a comunidade em geral. Tem como principal objetivo oportunizar o contato com diferentes instrumentos e ou a aprendizagem de um ou mais instrumentos musicais, assim como disponibilizar a sala de música à comunidade. As oficinas e os plantões musicais são práticas musicais individuais e ou coletivas, na qual cada participante opta pela aprendizagem de um ou mais instrumento musical. Serão conduzidos pela professora de música e pelos bolsistas do projeto (bolsistas PIBEX ou voluntários), que tem diferentes habilidades musicais (violonistas, percussionistas, flautistas, entre outras) e terão seus horários definidos na sala de música para atendimento/execução do projeto. Ofertar o acesso, o contato, a troca, o aprendizado, tem sido meta deste projeto desenvolvendo assim a criatividade, o bem-estar e o gosto pela música.

Coordenador: Agnes Schmeling

Discentes: WILHER WELTER, MARCELINO TEIXEIRA DE ARAUJO DA SILVA e ALISSON FERNANDO DE OLIVEIRA HAHN

Tipo de Ação: Projeto

 

Rede de Orgânicos de Osório

Resumo da Proposta:

A proposta é criar um ponto de entrega de produtos orgânicos, vinculados a Rede de Orgânicos de Osório, na Instituição IFRS Câmpus Osório. Juntamente com a criação deste ponto de entrega, haverá a criação de um portal web para facilitar o relacionamento consumidor/produtor, disponibilizando semanalmente, a listagem de produtos ofertados. A Rede de Orgânicos de Osório é formada por um grupo de produtores e consumidores de alimentos orgânicos e busca a consolidação de circuitos curtos de comercialização. Em 2017 o IFRS - Campus Osório apoiou esta Rede com ações que possibilitassem o fortalecimento e articulação destes agricultores. Este apoio foi importante e, em 2018, pretende-se apoiar novamente, criando este ponto de entrega de produtos orgânicos na Instituição, com apoio gerencial de bolsistas do EMI Administração ou do TPG (a serem selecionados) e com a criação do portal web, com bolsistas do EMI - Informática (a serem selecionados).

Coordenador: Bianca Pugen

Equipe de Execução: Adriana Pancotto, Diana Cabral Cavalcanti.

Discentes: RÓGER CASCAES PEREIRA AGUIAR

Tipo de Ação: Projeto

 

Educação em direitos humanos - Voluntariado e cidadania

Resumo da Proposta:

O projeto Educação em direitos humanos - Voluntariado e cidadania objetiva intermediar a relação dos alunos e servidores do IFRS - Campus Osório com a comunidade externa do município de Osório através de ações voluntárias que serão desenvolvidas ao longo do ano de 2018. Pretende atender às demandas locais, realizando uma troca de experiências e aprendizagens e proporcionando um vínculo aos envolvidos no projeto. Atualmente, o Voluntariado vem sendo cada vez mais valorizado na vida acadêmica e nas organizações em geral e é por estes motivos que é reconhecido como um grande diferencial na vida de quem o pratica. Afinal, proporciona aos indivíduos uma percepção da sua realidade bem como da sua própria identidade e ainda permite a participação ativa na sociedade de uma forma mais humanitária. O presente projeto busca então sanar essas duas necessidades, oportunizando essas vivências à comunidade do IFRS - Campus Osório e atendendo às carências de organizações, comunidades ou grupos que sofrem com a escassez de voluntários.

Coordenador: Kathlen Luana de Oliveira

Equipe de Execução: Juliana Lemos da Cunha, Luciane Senna Ferreira

Discentes: NATÁLIA DE MATOS DARIVA, ROMERO ASSIS DE OLIVEIRA, KÁTULA MARQUES DA ROSA TRESSOLDI, NATÁLIA HORST.

Tipo de Ação: Projeto

 

Compreendendo o papel do pedagogo nas instituições de ensino

Resumo da Proposta:

O curso ofertado na modalidade EaD permite uma reflexão teórica sobre o processo histórico da Pedagogia (conteúdo/ disciplina/ curso de graduação) bem como sobre as funções exercidas pelos pedagogos. Com carga horária de 20h (tipo MOOC) ou sem tutoria, são pré-requisitos para a conclusão a obtenção mínima de 50% de aproveitamento nos dois questionários avaliativos. O curso deve ser concluído num período não superior a 3 meses.

Coordenador: Maria Cristina Schefer

Equipe de Execução: Claudia Simone Cordeiro Pelissoli, Giane Silva Santos.

Tipo de Ação: Curso

 

Agências de Viagem e Turismo

Resumo da Proposta:

A proposta objetiva ofertar o curso 'Agências de Viagem e Turismo' na modalidade a distância, totalmente online, de curta duração, do tipo aberto - no qual o cursista não precisa realizar inscrição em prazo certo ou passar por processo seletivo, entretanto ele terá prazo para conclusão do mesmo. Este curso está em consonância com os demais ofertados pelo IFRS na modalidade a distância e ao final dele, o cursista estará qualificado para atuar no mercado de agenciamento de turismo.

Coordenador: Patricia Prochnow

Equipe de Execução: Ana Lúcia Olegario Saraiva, Bianca Pugen.

Tipo de Ação: Projeto

 

Entender para explicar: a prova de Ciências da Natureza e suas tecnologias do ENEM em foco 

Resumo da Proposta:

O projeto "Entender para explicar: a prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias do ENEM em foco" é uma replicação/continuação do Projeto homônimo realizado em 2016 e 2017. O projeto prevê oficinas para alunos dos 4os anos do Ensino Médio Integrado e alunos 3os anos das Escolas Públicas Estaduais do Litoral Norte Gaúcho. O foco das oficinas será a prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias do ENEM, visando não apenas a preparação de conteúdos técnicos sobre a prova, mas também, sobre a construção histórica desta, as diretrizes epistemológicas adotadas e a compreensão preliminar que os alunos têm dessas questões. O eixo da extensão constitui o cerne do projeto, visto que o seu objetivo principal é a abertura das oficinas para alunos externos ao IFRS, Campus Osório. As oficinas serão ministradas semanalmente em conjunto pelos docentes da área de Ciências da Natureza envolvidos, com o auxílio do aluno-bolsista. O objetivo do projeto é não apenas apresentar a prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias aos participantes e discutí-la, mas também - e principalmente -, através da reflexão sobre a constituição da prova e de sua análise crítica, evidenciar a importância da leitura reflexiva para a formação de cidadãos comprometidos com a realidade em que estão inseridos.

Coordenador: Lisiane Zanella

Equipe de Execução: Marla Heckler, Saulo Antônio Gomes Filho, Leonardo Uhlmann Soares.

Discentes: LOUISE NASCIMENTO EVANGELISTA

Tipo de Ação: Projeto

 

Grupo Instrumental & Espetáculo Musical

Resumo da Proposta:

O Grupo Instrumental & Espetáculo Musical é uma atividade vinculada ao Programa de Extensão 'Música no IFRS, campus Osório' e tem como objetivos o desenvolvimento musical e cultural dos participantes e do resgate cultural da região. Caracteriza-se por uma prática musical coletiva, na qual cada participante traz seus conhecimentos musicais e, a partir destes são construídos os arranjos musicais e a construção de um espetáculo musical que é levado à comunidade externa. Podem fazer parte do grupo diferentes composições instrumentais, entre elas podemos encontrar os seguintes instrumentos: flauta doce, saxofone, clarinete, trompete, violão, guitarra, baixo, percussão, teclado, voz, entre outras possibilidades. A proposta de trabalho contempla a escolha de uma temática e a partir desta é escolhida o repertório e montado em espetáculo. Os encontros ocorrem semanalmente, nas terças feiras, no campus Osório, das 12h às 13h30min, além de ensaios extras. O Grupo Instrumental representa oficialmente a instituição em escolas, espaços públicos diversos, congressos, entre outros e estima atingir com seu espetáculo 2000 pessoas. As ações são desenvolvidas pela professora de música Agnes Schmeling, pelo técnico em audiovisual Bruno Serra Acosta e pelos bolsistas do projeto (bolsistas PIBEX ou voluntários), que tem diferentes habilidades musicais/tocam diferentes instrumentos.

Coordenador: Agnes Schmeling

Equipe de Execução: Estêvão da Fontoura Haeser, Bruno Serra Acosta.

Discentes: THIAGO NUNES PUCCI, MOIZES SANTOS DA CUNHA, CARLOS EDUARDO VITORINO GOMES.

Tipo de Ação: Projeto

 

ComunicAção: do campus para a comunidade

Resumo da Proposta:

O projeto 'ComunicaAção: do campus para a comunidade' surgiu com o objetivo de levar para além dos muros da instituição os conhecimentos produzidos dentro do IFRS - Campus Osório, bem como as ações realizadas pelos diversos setores e núcleos. Porém, no ano passado, ao divulgar curiosidades sobre temas transversais à educação, como doação de sangue e a vacina da gripe, foi notado que o grupo de estudantes do Ensino Médio Integrado, em sua maioria, não conheciam o assunto, mesmo ele sendo pauta recorrente de reportagens no rádio e televisão. Isso pode estar estreitamente ligado ao fato de os jovens não assistirem mais televisão, nem acompanharem notícias em rádio. Eles ficam o tempo todo conectados, mas acompanham apenas temas de seu interesse, o que com a evolução da web, que com o formato 3.0, acaba filtrando os temas de maior interesse com base no histórico da navegação e afastando cada vez mais os jovens desse tipo de informação. Assim, o que se busca é mais do que apenas tornar público, mas sim solidificar novos canais de divulgação, que se mostram mais atrativos e de fácil acesso pela população em geral, tanto interna quanto externa ao campus, disseminando conhecimentos acerca de diversos temas de relevância social. Desta forma, contribui para o aumento da visibilidade do Campus Osório e, consequentemente, reforça de forma positiva a imagem e a reputação da instituição.

Coordenador: Bruno Serra Acosta

Equipe de Execução: Gabriela Silva Morel

Discentes: MARIA LUIZA SILVA CONCEIÇÃO, CARLOS EDUARDO VITORINO GOMES

Tipo de Ação: Projeto

 

Metodologia Científica

Resumo da Proposta:

A iniciação científica na Educação Básica apresenta-se como um complemento educacional sendo considerada uma atividade de extrema importância para a formação de jovens pesquisadores, uma vez que fornece ao estudante a oportunidade de ter o primeiro contato com a prática da pesquisa e de poder vivenciar a aplicação de diversos conceitos vistos em sala de aula. O programa intitulado Metodologia Científica tem como objetivo principal instigar os estudantes do ensino médio da cidade de Osório a vivenciarem praticas voltadas a ciência, tecnologia, engenharia e matemática (STEM). Durante o programa serão realizados três projetos, onde dois deles serão diretamente voltados para as práticas e o último será voltado para o método científico. Nos dois primeiros projetos os estudantes poderão vivenciar a aprendizagem ativa e no último módulo verão as etapas que compõem um projeto de pesquisa, desde sua concepção e desenvolvimento até sua apresentação. Ao final do projeto espera-se que cada estudante tenha elaborado seu próprio plano de pesquisa e que os mesmos estejam instigados a realizarem seus projetos.

Coordenador: Flávia Santos Twardowski Pinto

Equipe de Execução: Claudius Jardel Soares, Lisiane Zanella, Marla Heckler, Augusto Weiand, Marcelo Vianna.

Discentes: ROMERO ASSIS DE OLIVEIRA

Tipo de Ação: Programa

 

NEABI CULTURAL

Resumo da Proposta:

O presente programa visa centralizar as ações culturais de extensão propostas pelo NEABI (Nucleo de Estudos Afro Brasileiros e Indígenas) do Campus Osório, criando as condições para que o núcleo atue como um polo cultural, contando com bolsista que possam mantê-lo sempre aberto e à disposição dos estudantes cotistas. Dentre as ações previstas para este programa estão a oficina de capoeira, o Grupo de Estudos de autoras negras e indígenas, seminários e palestras e saídas de campo voltadas à cultura afro e indígena. Essa iniciativa busca criar um espaço de referência para as/os estudantes cotistas, um ambiente acolhedor onde possa estudar, tirar dúvidas acerca de assuntos relacionados à temática das relações étnicorraciais, visando a efetivação das políticas afirmativas no IFRS e a permanência destes estudantes. Além disso acredita-se que assim se contribuirá para a construção da identidade destes jovens, que está em formação.

Coordenador: Estêvão da Fontoura Haeser

Equipe de Execução: Alexandre Ricardo Lobo de Sousa, Kathlen Luana de Oliveira, Sergio Guiherme Santos Portella.

Tipo de Ação: Programa

 

Direitos humanos: lutas contra sexismos e racismo na escola

Resumo da Proposta:

O projeto é resultado do debate existente no campus Osório-IFRS e consiste em apresentar materiais audiovisuais, textos que possibilitem a construção de conhecimento crítico acerca do sexismo e do racismo. Aborda questões de gênero em seu mais amplo aspecto, como as lutas de mulheres, as lutas de homossexuais, transsexuais, e questões ligadas as lutas contra o racismo. Nesse sentido, o material será produzido e organizado no moodle com acesso mediante inscrição, mas de forma gratuita. Num primeiro momento, haverá estudos e debates, num segundo momento produção coletiva de materiais educacionais resultados dos estudos, e, num terceiro momento, haverá a disponibilização das descobertas na plataforma online.

Coordenador: Kathlen Luana de Oliveira

Equipe de Execução: Luciane Senna Ferreira, Luana Monique Delgado Lopes.

Discentes: DAYARA DE SOUZA FRANCO

Tipo de Ação: Projeto

 

Incubadora de Redes e Empreendimentos Solidários - IFRS Campus Osório

Resumo da Proposta:

A Incubadora de Redes e Empreendimentos Solidários do IFRS-Osório é um programa interdisciplinar e participativo de produção de conhecimento e de promoção de ações que favoreçam o dinamismo econômico, cultural, social e político do Litoral Norte gaúcho, aliado à melhoria da qualidade de vida de sua população. O programa objetiva incubar empreendimentos solidários singulares com potencial econômico para melhoria das condições de vida e autonomia de seus trabalhadores/as, buscando a ampliação de serviços produtivos, geração de tecnologias sociais adequadas, ações cooperadas e em rede, ampliação da comercialização e inserção dos empreendimentos nos espaços de governança e coordenação existentes, bem como seu estímulo e aprimoramento. O programa divide-se em quatro fases, sendo a fase 1 (publicação e seleção de empreendimentos com viabilidade e perfil de incubação) e 2 (elaboração de diagnóstico interdisciplinar e participativo da situação dos empreendimentos selecionados, bem como da cadeia/rede produtiva que envolve o empreendimento e desenvolvimento de "Plano Específico de Incubação") de pré-incubação; a fase 3 (com rotinas de assessorias conjuntas com o empreendimento e com toda a equipe e assessoria pontual das áreas contempladas) de incubação; e a fase 4 de pós-incubação ou desincubação (quando o empreendimento é desligado gradativamente da Incubadora, com reuniões periódicas e adesão à "rede local de economia solidária"). Espera-se também articular com o curso de Análise de Sistemas, para o desenvolvimento futuro de Tecnologias Sociais, como ferramentas abertas de software para a gestão (incluindo o plano potencial de produção e oferta) e portais web (para comunicação e venda aos consumidores finais).

Coordenador: Adriana Pancotto 

Equipe de Execução: Alexandre Ricardo Lobo de Sousa, Andreia Scheeren, Bruna Flor da Rosa, Cintia Lisiane da Silva Renz, Márcio Rogério Olivato Pozzer, Roberta dos Reis Neuhold, Roger GonÇalves Urdangarin, Sergio Roberto Kapron, Marcelo Vianna.

Discentes: JOÃO PEDRO LOPES BAZOTTI

Tipo de Ação: Programa

 

Música no IFRS, campus Osório

Resumo da Proposta:

O Programa de Música do IFRS, campus Osório iniciou suas atividades em 2013. Desde então tem como objetivo ofertar a educação musical, incentivar o fazer musical e a criatividade, dar assessoria, musicalizar, promover apresentações artísticas e trocas, refletir sobre a música no contexto social e a promoção da cidadania, promover a interação entre universidade e comunidade. É composto de diferentes projetos e ações: 'Banda Polisenso'; 'Coral Jovem do IFRS, campus Osório'; 'Plantões Musicais e Oficinas de Instrumento Musical'; 'Grupo Instrumental & Espetáculo Musical'; 'Música na Escola: prática e reflexões'; 'Oficinas e espetáculos de Teatro e Dança'. Os projetos são desenvolvidos no campus Osório e na Escola Estadual Quilombola de Santa Teresinha (em Morro Alto/Maquiné) - abertos a participação da comunidade em geral bem como atendendo a convites de apresentações artísticas solicitadas por cidades do litoral norte ou por Bento Gonçalves, Porto Alegre, SC e PR. Inscrições e informações podem ser obtidas com a professora de música Agnes Schmeling ou com o técnico em áudio-visual Bruno Serra Acosta. O Programa, por meio de seu projetos atende ao tripé ensino & pesquisa & extensão, uma vez que atendem à comunidade, complementa a disciplina de música do EMI e estimula a pesquisa e a reflexão acerca de suas ações.

Coordenador: Agnes Schmeling

Equipe de Execução: Cintia Lisiane da Silva Renz, Estêvão da Fontoura Haeser, Flávia Santos Twardowski Pinto, Bruno Serra Acosta,

Discentes: NATÁLIA DA SILVA WOUTERS, MATHEUS VIANA STEIN

Tipo de Ação: Programa

 

Depois de John Cage: música fora da gaiola - 2018

Resumo da Proposta:

Desde que John Cage surgiu e difundiu suas concepções sobre música entre artistas da música, das artes visuais e da dança, trazendo o silêncio e os ruídos aleatórios para dentro da composição, com enfoque na performance e na participação do público, as artes nunca mais foram as mesmas. Seguindo os ensinamentos dadaístas, o experimentalismo de Cage se relacionou intimamente ao acaso e àquilo que o artista/performer não tem controle. Sua visão democrática da música trazia o público para uma participação mais ativa, num processo-criação-performance coletivos. Neste curso, analisaremos os resultados contemporâneos das influências de artistas como John Cage e Nam June Paik na produção artística atual e as diversas possibilidades de interação com outras áreas, como a ciência e a tecnologia. O presente curso visa ampliar as noções e percepções dos estudantes do Campus Osório e da comunidade Osoriense e do litoral norte, passando a aceitar o erro e o acaso como parte da criação artística e se libertando de padrões estéticos impostos pelos meios de comunicação de massa. Esse processo se dará a partir de aulas teórico-práticas, onde os participantes terão contato com obras de artistas gaúchos, brasileiros e internacionais, contemporâneos e históricos, além de assistirem à performances ao vivo e participarem de experimentações sonoras a partir de gambiarras tecnológicas. Curso teórico prático de 16 encontros com duração de duas horas cada.Será desenvolvido pelo professor Estêvão da Fontoura Haeser, com a colaboração de bolsista voluntários.

Coordenador: Estêvão da Fontoura Haeser

Equipe de Execução: Agnes Schmeling

Discentes: EDUARDO FIGUEIREDO DE SOUZA

Tipo de Ação: Projeto

 

Abraço Guarani Mbyá no Litoral Norte

Resumo da Proposta:

O projeto visa dar visibilidade para comunidade Mbyá Guarani do Litoral Norte, divulgando seus "territórios" seu artesanato e canções, bem como, auxiliar a comunidade que atualmente está em retomada de área na antiga sede da FEPAGRO. Para tanto, prevê a realização de ações com a presença das comunidades indígenas para difusão e venda de produtos artesanais. Nestes eventos serão distribuídos os folders com informações sobre as aldeias do Litoral Norte, realizadas oficinas de artesanato Mbyá, e feita a degustação de alimentos produzidos de forma tradicional, além de, apresentações artísticas de cantigas das aldeias. A ideia é favorecer a venda de produtos dos MbyÁ através da divulgação da cultura, intensificando a ideia de que é necessário favorecer as comunidades, em retomada de terra, no que consiste a autonomia financeira (sustentabilidade) e à garantia mínima de suprimentos durante o período de regularização das terras; (água, alimentos, abrigo);

Coordenador: Maria Cristina Schefer

Equipe de Execução: Agnes Schmeling, Bianca Pugen, Cintia Lisiane da Silva Renz, Jaqueline Rosa da Cunha, Roberto Saouaya, Giane Silva Santos, Jade de Oliveira Monteiro, Paulo Roberto Faber Tavares Junior

Discentes: JOÃO CAMARGO DE ALENCASTRO, NATALLY ARBOITE BERZAGUI, MAIARA DA ROCHA DE AGUIAR

Tipo de Ação: Projeto

 

Nosotros

Resumo da Proposta:

O projeto Nosotros busca o desenvolvimento de ações que promovam o contato com a cultura e a língua do outro como forma de refletir sobre a própria identidade a partir do encontro com o diverso. A identidade latina, especialmente a latino-americana, tem sofrido o preconceito e a desconsideração das políticas governamentais atuais. O idioma espanhol nos abre possibilidades de diálogos importantes, que potencializam as relações com a América Latina e com o mundo. A cultura é ponto de partida para debates que discutem história, memória, política e transformação social. Esses são os eixos que fundamentarão oficinas, palestras, cursos e um evento cultural, destinados a garantir à comunidade de Osório o acesso à língua espanhola, ao diálogo intercultural e ao enfrentamento crítico diante de nossos conceitos, valores e ações identitárias.

Coordenador: Luciana Delgado da Silva

Equipe de Execução:

Discentes: THÁILLA TRESPACH SANTOS

Tipo de Ação: Projeto

 

Oficina Paulo Freire

Resumo da Proposta:

Este projeto visa, a partir das narrativas de formação e de vivências profissionais de seus participantes, oportunizar momentos de discussões, trocas e reflexões - pautados na teoria Freireana - que possam colaborar, significativamente, no processo de formação continuada de professores da educação básica. De acordo com Freire, a 'educação é um ato de intervenção no mundo' (2008, p.109), portanto, visamos compartilhar esses momentos de leituras, problematizações e discussões - ancorados teoricamente - para fomentarmos momentos de potencialização intelectual dos envolvidos. Iniciaremos uma intervenção a partir de quem, inicialmente, somos e então daqueles envolvidos nos contextos educacionais que vivenciamos.

Coordenador: Juliana Lemos da Cunha

Tipo de Ação: Projeto

 

O ensino de Língua Inglesa na prática: micropráticas de ensino de inglês para a comunidade

Resumo da Proposta:

A presente proposta constitui-se como um projeto de extensão curricularizado vinculado à disciplina de Metodologia e Laboratório de Ensino de Inglês do quarto semestre do curso de Licenciatura em Letras - Português/Inglês do campus Osório. Ao longo da disciplina, serão discutidas metodologias e abordagens para o ensino de língua inglesa na escola básica atual, e também serão preparadas atividades de língua inglesa que desenvolvam as quatro habilidades linguísticas e que podem ser aplicadas tanto a alunos de ensino fundamental quanto de ensino médio. Visando proporcionar aos alunos experiências práticas de ensino de língua inglesa e também oferecer novas perspectivas de estudo da língua estrangeira aos alunos de escolas públicas da comunidade, serão preparadas atividades específicas de língua inglesa que serão ministradas pelos alunos-professores licenciandos ao longo de oficinas realizadas em escolas públicas municipais e estaduais do município de Osório. Ao término das oficinas, os alunos-professores irão produzir relatórios de experiência da microprática de ensino, compartilhando suas práticas em grupo para uma melhor compreensão do processo de ensino-aprendizagem da língua estrangeira na escola atual.

Coordenador: Rafaela Fetzner Drey 

Tipo de Ação: Projeto

 

Oficina de Libras

Resumo da Proposta:

A Oficina de Libras, tem como intuito difundir a Língua Brasileira de Sinais - LIBRAS, a fim de que todas as pessoas possam se comunicar e interagir com a comunidade surda, bem como possam aprender esta língua que é a segunda língua oficial do nosso país (Lei 10.436/02). Outra finalidade deste Projeto é a eliminação de barreiras da comunicação, possibilitando a inclusão das pessoas surdas no meio social e educacional, garantindo-lhes o direito à cidadania, atenção às suas necessidades básicas de comunicação e ao acesso à educação de qualidade. A partir da promulgação do Decreto Federal nº. 5626/2005, todas as escolas, instituições de ensino e Universidades do País têm a obrigação legal de oferecer Língua Brasileira de Sinais - Libras aos profissionais da educação, familiares e interessados. O público alvo da Oficina de Libras compõe-se de docentes, técnicos-administrativos, gestores, alunos, ex-alunos do IFRS, professores da Rede Municipal e Estadual, familiares de surdos e comunidade local e regional do Campus Osório do IFRS. Portanto, o Projeto de Extensão: Oficina de Libras, tem como proposta a divulgação, o ensino e o cumprimento da legislação atual em prol desta comunidade minoritária, que é a comunidade surda.

Coordenador: Aline Dubal Machado

Discentes: ANA CLARA JARDIM DA SILVA

Tipo de Ação: Projeto

 

Semana Acadêmica da Licenciatura em Matemática do IFRS Osório

Resumo da Proposta:

A Semana Acadêmica da Licenciatura em Matemática tem por objetivo a integração entre os acadêmicos e docentes do curso de licenciatura em matemática, profissionais e pesquisadores das áreas de matemática e educação, por meio do compartilhamento do conhecimento e de experiencias. Será realizada nos dias 08 e 09 de junho de 2018. É um evento institucional que objetiva também propiciar atividades que relacionem os conteúdos estudados em sala de aula com a experiência docente, vislumbrando complementar a formação dos discentes. Trata-se da criação de oportunidades de aperfeiçoamento profissional e científico para gerar e socializar conhecimentos, tendo em vista a necessidade de aprimorar os conhecimentos matemáticos e pedagógicos dos acadêmicos do curso. A organização desses eventos está a cargo de uma equipe de estudantes e professores totalmente engajados nesse trabalho.

Coordenador: Eron Magno Aguiar e Silva

Equipe de Execução: Aline Silva de Bona, Fabiana Gerusa Leindeker da Silva

Tipo de Ação: Evento

 

Semana Acadêmica do TPG e ADS Campus Osório IFRS: Ética nas informações, tecnologias e impactos nas relações de trabalho e no desenvolvimento da região

Resumo da Proposta:

O Evento Semana Acadêmica TPG & ADS 2018 'Ética nas informações, tecnologias e impactos nas relações de trabalho e no desenvolvimento da região' são atividades que buscam trazer para o Campus Osório do IFRS reflexões contemporâneas, experiências e práticas de profissionais de diversas áreas, para interação com a comunidade acadêmica, empreendedores e gestores da região. Ao mesmo tempo, sua organização, constitui-se em um processo de aprendizado no planejamento, organização, gestão e realização de um evento, envolvendo práticas dos componentes de estudo dos estudantes envolvidos na organização. As Mesas Temáticas, Minicursos e Oficinas buscam aproximar reflexões e situações vivenciadas por gestores/as e pesquisadores e profissionais. O evento será realizado em duas noites, sendo na primeira uma ampla Mesa de Debates sobre o tema principal e na segunda, Minicursos e Oficinas temáticas. Os estudantes do TPG poderão contar a programação da segunda noite como Atividades Complementares, pois está prevista no calendário acadêmico. A organização e realização do evento visa ser um processo de aprendizado para os estudantes, de forma voluntária e autogestionada, com apoio de Professores dos dos cursos. Conta com o trabalho voluntário de estudantes, apoio de professores e do IFRS, e não conta com recursos financeiros da instituição. Serão buscados apoios voluntários de palestrantes e algum apoio material na comunidade regional. O evento oferecerá certificado aos participantes e aos organizadores.

Coordenador: Sergio Roberto Kapron

Equipe de Execução: Adriana Pancotto, Anelise Lemke Kologeski, Bruno Chagas Alves Fernandes, Cintia Lisiane da Silva Renz.

Tipo de Ação: Evento

 

Vamos falar sobre oratória? 1º Seminário Temático do Curso de Eventos

Resumo da Proposta:

Este Seminário é um evento organizado pela turma de alunos do Curso Técnico Subsequente ao Ensino Médio em Eventos, do IFRS - Campus Osório. Busca atender uma prerrogativa do Projeto Pedagógico do Curso, quando menciona a organização de Seminários Temáticos. A temática deste evento foi escolhida pelos alunos, dentre as necessidades de aperfeiçoamento profissional que necessitam (oratória). Além deste novo conhecimento, os alunos irão executar na prática os conhecimentos técnicos que estão sendo discutidos no semestre, voltados ao planejamento e organização de eventos.

Coordenador: Bianca Pugen

Tipo de Ação: Evento

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Câmpus Osório

Rua Santos Dumont, 2127 | Bairro Albatroz | CEP: 95520-000 | Osório/RS

E-mail: comunicacao@osorio.ifrs.edu.br | Telefone: (51) 3601-3500 das 8h às 12h e das 13h30min às 17h30min. Nos demais horários, o contato deve ser feito pelo telefone e e-mail dos setores.